Início / Bahia / Todos contra Zé Trindade

Todos contra Zé Trindade

O clima de paz que reinou durante meses na Câmara Municipal de Salvador, chegou ao fim no discurso do líder da oposição José Trindade, durante votação do Projeto de Lei que autoriza o Poder Executivo a contratar operação de crédito junto ao CAF – Banco de Desenvolvimento da América Latina, em nome do Município de Salvador, no montante equivalente a até U$ 60.700.000,00 (sessenta milhões e setecentos mil dólares, americanos – Estados Unidos).

Trindade qualificou os vereadores que compõem a bancada do Prefeito de “vacas de presépio” e “bancada do amém”, adjetivos que provocaram a ira de Teo Senna, Kiki Bispo, Felipe Lucas, Tiago Correia, Ricardo Almeida, Henrique Carballal e Luiz Carlos.

Segundo o líder do PMDB na Casa, vereador Felipe Lucas, a postura de Trindade está mais para “política de boteco. A mando de Rui Costa, Trindade tenta denegrir ACM Neto que realiza uma gestão competente e proativa devolvendo autoestima do soteropolitano, diferente do incompetente e caloteiro Rui Costa que não teve capacidade de tomar empréstimo e vive culpando o prefeito pela sua incompetência”.

Kiki Bispo questionou o cargo de procurador legislativo que José Trindade realiza na Casa. Para o líder do PTB existe uma “incongruência enorme” na função do líder da oposição no cargo de promotor da Casa. “Como pode chamar de vaca de presépio a um vereador que ele devia defender? É uma dicotomia inaceitável”, questionou o petebista.

Cristão e vereador pelo PSC, Ricardo Almeida acusou Trindade de ser intolerante com a religião de origem cristã. “O uso da palavra ‘amém’ é intolerante contra cristãos. Vaca de presépio é utilizado por religiões de origem cristã. É inaceitável. Não estamos para adjetivar ou desqualificar e sim para analisar o projeto apresentado pelo Prefeito. Ninguém da oposição tratou do projeto que está sendo votada na Casa”, frisou o edil.

“Esse debate não é promissor. Deveríamos discutir o destino da cidade”, disse Luiz Carlos Souza, colocando ponto final ao “debate”.

Sobre Mathias Jaimes

Leia Também

Mais de 8 mil profissionais brasileiros se inscreveram no Mais Médicos

O mais recente edital do programa Mais Médicos recebeu mais de 8 mil inscrições de ...

Deixe uma resposta