Início / Bahia / Os R$ 12 milhões que Rui Costa repassa mensalmente a Odebrecht e OAS pagam reajuste a servidores e salário de terceirizados

Os R$ 12 milhões que Rui Costa repassa mensalmente a Odebrecht e OAS pagam reajuste a servidores e salário de terceirizados

Na maioria dos cases em que autoridades, principalmente chefes do poder Executivo, não possuem conhecimento político / econômico recorrem a frases de efeito ou artimanhas dentro das leis. É o caso do governador da Bahia.

Desde que assumiu o governo em 2015, Rui Costa não teve sensibilidade em sentar e melhorar a situação do funcionalismo público assim como não teve a capacidade suficiente de garantir que o trabalhador terceirizado do Estado receba seus salários em dias.

“O reajuste eu só posso cogitar e analisar quando a lei me permitir. No momento, a lei não me permite cogitar reajuste em função do que a Lei de Responsabilidade diz: ‘o governador fica proibido de conceder reajuste caso o estado tenha ultrapassado o limite prudencial’. E a Bahia está acima do limite”, afirmou o governador.

Se por um lado falta verba para onerar servidores e terceirizado por outro lado sobra dinheiro suficiente para manter um estádio de futebol utilizado por clubes de futebol, artistas milionários e empresas investigadas por corrupção, organização criminosa e lavagem de dinheiro na Operação Lava Jato.

Confira no print a verba paga pelo Governo Rui Costa à Odebrecht e OAS

Sobre Mathias Jaimes

Leia Também

SOJA e Natiruts neste sábado em Salvador

Um apresenta o Poetry in Motion” e o outro “Índigo Cristal”. SOJA e Natiruts estarão ...

Deixe uma resposta