Início / Bahia / Início de ano é celebrado com ​T​ributo​ a Raul Seixas no Projeto Tamar Praia do Forte

Início de ano é celebrado com ​T​ributo​ a Raul Seixas no Projeto Tamar Praia do Forte

No primeiro sábado de 2018, a Serenata no TAMAR faz um tributo ao inesquecível pai do rock nacional, Raul Seixas. Uma noite para curtir o som de um dos mais talentosos músicos do estilo, Marcos Clement & banda Arapuka, uma das mais atuantes do movimento raulseixista no Brasil. O show será dia 6 de janeiro, às 20 horas, no espaço cultural do Projeto TAMAR Praia do Forte, que fica em Mata de São João-BA.

Fundada em 2004 para contribuir com a imortalidade das obras do roqueiro baiano, a banda Arapuka e o cantor e compositor Marcos Clement trazem repertório do grupo, releituras das músicas “Gita”, “Cowboy Fora da Lei”, “Sociedade Alternativa”, “Aos trancos e barrancos”, indo dos clássicos até as menos tocadas, chamadas de “Lado B”. Clement apresenta também algumas de suas canções autorais, que estarão no seu primeiro CD, em fase de pré-produção, “Sem eira nem Beira”, “CPI – Coco Popular de Indignação” e “Crenguenhem”.

Há mais de 10 anos Marcos Clement e a banda Arapuka vem promovendo diversos encontros raulseixistas, com destaque para o projeto “Contando Raul Seixas – Músicas e Histórias do Maluco Beleza” (com temporadas nos Teatros Eva Herz, Teatro Módulo e Teatro Jorge Amado, além de apresentações no Salvador Shopping e Salvador Norte Shopping); “Bicicletrio Toca Raul”, com figurinos divertidos inspirados nas canções e personagens do roqueiro e tocando suas músicas em ritmo de marchinhas carnavalescas (carnaval de Salvador desde 2016); projeto Música no Dique (2005-2006); Comemoração do Aniversário de Raul Seixas (Praça Municipal e Parque da Cidade – junho/2005 a 2013); Caminhada Raul Seixas (agosto/2009); Projeto Raul Seixas – Sempre Vivo, no Pelourinho (2009-2012); e Trio Carnarock (carnaval de Salvador 2012), dentre outros.

De talento ímpar e com experiência na cena rock’n’roll de Salvador, Clement vai agradar aos ouvidos mais exigentes. O músico faz parte do Movimento Tamarear, pela proteção às tartarugas marinhas no Brasil, que une vários estilos artísticos para levar a mensagem da conservação mais longe.

Sobre Mathias Jaimes

Leia Também

Lula se mostrou nervoso e violento no RJ: ameaças e ataques ao TRF 4

A quase uma semana de ser julgado em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal da ...

Deixe uma resposta